quarta-feira, 25 de junho de 2014

A sós...


Somos sós...
Intimamente sós...
Não importando quão estreito sejam os laços,
Estamos sós...
Poderei eu, ter-te como me tenho? 
Centenas, dezenas de milhares de palavras,
Jamais descreveriam o íntimo de ser...
Tão pouco a ausência de nós...
A distância de sermos...
Nós... a sós...



A.C.S.

Nenhum comentário:

Postar um comentário