terça-feira, 15 de novembro de 2011

Ser quem se é

O maior desafio que já me propus a enfrentar: Ser quem se é! Ser quem eu sou...
Não existe mais regras, nem moralidade, tão pouco pudores! Apenas minhas vontades, meus desejos...
Estou me libertando das algemas do medo: medo de amar, medo de querer, medo de agir, medo de falar, medo de ver, medo de SENTIR.
Minha liberdade começou hoje, com um bilhetinho e um recadinho, para o dono de um sorriso incrível, um grito... e uma noite de prazer... prazer este que não se mostrou tão prazeroso... pois na busca de mim mesma, me descobri não ali.
Suas palavras eram doces, seu toque era suave e arrepiante... excitante!
Mas não pode ser você, aquele que me mostrará - assim como quer - o quão linda e merecedora de todo o carinho e atenção do mundo eu sou, de como mereço ser desejada e tratada com respeito e carinho...
Ser quem se é, requer coragem! Na medida em que as escolhas vão gerar consequências, das quais terceiros podem pagar... E este é um preço que não estou preparada ainda para pagar...
Mas vou me jogar na existência, e aceitar a montanha russa da vida!


A.C.S.

Nenhum comentário:

Postar um comentário